sedação para colonoscopia

Sedação para colonoscopia: como ela é feita

Algumas pessoas ainda sentem um certo receio quando solicitadas a realizar uma colonoscopia. Porém, é de extrema importância ressaltar que o procedimento é bastante seguro e, se solicitado pelo seu médico, é extremamente necessário realizá-lo. 

Já esclarecemos alguns mitos sobre o exame e para quem ainda tem dúvidas, vamos falar sobre a sedação para colonoscopia. Parte essa fundamental para a realização de um exame confortável e seguro para o paciente. 

Para ficar por dentro do assunto, continue a leitura e mantenha-se informado. 

O que é colonoscopia? 

A colonoscopia é um exame do trato gastrointestinal baixo, o qual é realizado com um colonoscópio, que possui uma microcâmera acoplada em uma das suas extremidades flexíveis. O colonoscópio transmite imagens em tempo real para o médico que vai avaliar a mucosa intestinal do paciente em busca de pólipos ou qualquer alteração que possa estar causando injúria.

O exame serve para diagnosticar, tratar e também é uma forma de prevenção de patologias, como câncer colorretal, que afeta grande parte da população acima dos 40 anos de idade ou com histórico familiar. 

A sedação para colonoscopia é essencial para a realização confortável e segura do exame e para isso um médico anestesiologista está presente na hora da realização do procedimento. 

Como é feita a sedação para colonoscopia? 

Antes de realizar o procedimento, o paciente fará exames laboratoriais e apresentará o seu histórico clínico para o médico anestesiologista, que avaliará e irá definir qual é o melhor protocolo de sedação para colonoscopia e anestesia venosa para o paciente. 

É realizada uma avaliação anestésica pré-procedimento, na qual o médico anestesiologista conversa com o paciente para se inteirar sobre possíveis problemas de saúde ou situações que possam intervir durante a sedação para colonoscopia e que vão ajudá-lo a selecionar o melhor protocolo para o paciente. É importante ressaltar que para cada tipo de paciente pode existir um protocolo específico. Por isso, é fundamental realizar seus exames em clínicas especializadas e com médicos especialistas. 

Diferente do que muitos pensam, a sedação para colonoscopia não é uma anestesia geral. Apesar de possuir níveis que vão do leve ao mais profundo, a sedação não vai anestesiar o paciente como uma anestesia intravenosa geral para um procedimento cirúrgico de grande intervenção. Ela é um procedimento em que o paciente tem depressão dos níveis de consciência e analgesia, mas mantém seus reflexos fisiológicos e sinais vitais, como a respiração, sem necessitar de ajuda mecânica.

A sedação é uma forma eficiente de realizar exames do sistema gastrointestinal, biópsias, pequenas cirurgias e outros pequenos procedimentos por ser segura e possuir uma grande vantagem que é a recuperação rápida e sem complicações. 

Recuperação do procedimento

Como comentado acima, a recuperação da sedação para colonoscopia é rápida e geralmente sem complicações. Devido às pequenas quantidades de ar injetadas no intestino durante o exame para a melhor visualização da mucosa, o paciente pode ter um pouco de gases e flatulências, o que pode ocasionar também um pouco de cólica abdominal. Caminhadas leves são sugeridas para a eliminação dos gases e faz com que o paciente se sinta melhor rapidamente. 

Em média, até duas horas depois do procedimento, o paciente já está apto a ir para casa e é necessário o repouso durante o restante do dia para total recuperação. Não é indicado que o paciente tome decisões importantes ou assine documentos durante esse período. Operar máquinas ou dirigir veículos fica expressamente proibido. Em 24 horas, o paciente já está totalmente recuperado e pode voltar a sua rotina. 

Se você possui mais dúvidas sobre sedação para colonoscopia e/ou sobre o exame de colonoscopia, acesse nosso blog e mantenha-se informado. 

Diretor Técnico: Dr. Luiz Fernando Abrahão
CRMMG: 18674
RQE: 10553

Rolar para cima